2016 – A CONSTITUIÇÃO PORTUGUESA NA TERCEIRA VAGA DA DEMOCRATIZAÇÃO

2016

A CONSTITUIÇÃO PORTUGUESA NA TERCEIRA VAGA DA DEMOCRATIZAÇÃO

Sobre o projeto: Pretende-se refletir sobre o legado da Constituição Portuguesa em perspectiva comparada com outras democracias contemporâneas e consolidadas.

Outputs:

  • Livro 40º Aniversário da Constituição Portuguesa. Organizadora Científica: Marina Costa Lobo. Lisboa: Edições da Assembleia da República, no prelo;

CONSULTA CIDADÃ – BALANÇO DO PRIMEIRO ANO DO XXI GOVERNO

Sobre o projecto: O objectivo foi realizar uma auscultação a cidadãos portugueses por ocasião do primeiro mandato do XXI governo, com vista à colocação de questões ao Primeiro-Ministro e ao governo sobre o primeiro ano de governação.

Outputs:

Relatório Consulta Cidadã – Balanço do Primeiro ano do XXI Governo (Marina Costa Lobo, Edalina Sanches, José Pereira, Luis Mah, Daniel Carolo).

Acesso ao documento

2015 – SITUAÇÕES E ATITUDES DOS JOVENS PORTUGUESES

2015

SITUAÇÕES E ATITUDES DOS JOVENS PORTUGUESES

Sobre o projeto: Este estudo teve como objectivo obter sobre grandes temas: práticas culturais e de lazer, emprego e a empregabilidade, mobilidade e política.

Membros do projeto: Marina Costa Lobo, Vítor Sérgio Ferreira e Jussara Rowland.

Outputs do projeto:

  • Livro Geração Milénio – Situações e Atitudes dos Jovens Portugueses. Autores: Vítor Sérgio Ferreira, Marina Costa Lobo, Jussara Rowland e Edalina Rodrigues Sanches. Lisboa: Imprensa de Ciências Sociais, no prelo;
  • Relatório Emprego, Mobilidade, Política e Lazer: Situações e Atitudes dos Jovens Portugueses numa Perspectiva Comparada (Marina Costa Lobo, Vítor Sérgio Ferreira e Jussara Rowland);
  • Base de dados: Emprego, Mobilidade, Política e Lazer: Situações e Atitudes dos Jovens Portugueses numa Perspectiva Comparada.

2014 – AS PERCEPÇÕES DOS PORTUGUESES EM RELAÇÃO AO SALAZARISMO E À TRANSIÇÃO PARA A DEMOCRACIA NOS 40 ANOS DA DEMOCRATIZAÇÃO

2014

AS PERCEPÇÕES DOS PORTUGUESES EM RELAÇÃO AO SALAZARISMO E À TRANSIÇÃO PARA A DEMOCRACIA NOS 40 ANOS DA DEMOCRATIZAÇÃO

Sobre o projeto: O estudo teve como objectivo perceber como o passado influencia as atitudes e o comportamento político em Portugal.

Membros do projeto: Marina Costa Lobo, Antônio Costa Pinto.

Outputs do projeto:

  • Policy Brief A Qualidade da Democracia em Portugal (Marina Costa Lobo, Ekaterina Gorbunova e Edalina Rodrigues Sanches);
  • Press Release A Presença do Passado: Autoritarismo a Transição para a Democracia no Portugal Contemporâneo (Marina Costa Lobo e Antônio Costa Pinto);
  • Relatório As atitudes dos portugueses em relação aos 40 anos do 25 de Abril (Marina Costa Lobo);
  • Portuguese Democratisation 40 Years on: Its Meaning and Enduring Legacies, Marina Costa Lobo, Antônio Costa Pinto e Pedro C. Magalhães (No. Especial da Revista South European Society and Politics, vol. 21, no. 2);
  • Base de dados: As percepções dos Portugueses em relação ao Salazarismo e à transição para a Democracia nos 40 anos da democratização.

2012 – A QUALIDADE DA DEMOCRACIA EM PORTUGAL: A VISÃO DOS CIDADÃOS

2012

A QUALIDADE DA DEMOCRACIA EM PORTUGAL: A VISÃO DOS CIDADÃOS

Sobre o projeto: O projeto teve como objectivo analisar, de forma rigorosa e com um conjunto de conceitos teoricamente articulados, o que os portugueses querem da democracia e como avaliam o seu regime democrático.

Membros do projeto: Antônio Costa Pinto, Pedro C. Magalhães, Luís de Sousa, Ekaterina Gorbunova.

Outputs do projeto:

  • Livro A Qualidade da Democracia em Portugal: A Visão dos Cidadãos. Organizadores: Antônio Costa Pinto, Luís de Sousa e Pedro C. Magalhães. Lisboa: Imprensa de Ciências Sociais, 2013.
  • Relatório A Qualidade da Democracia em Portugal: A Perspectiva dos Cidadãos (Antônio Costa Pinto, Pedro Magalhães, Luís de Sousa e Ekaterina Gorbunova).
  • Publicação A Satisfação com a Democracia (Ekaterina Gorbunova, Edalina Sanches e Marina Costa Lobo). In: Portugal Social em Mudança, Portugal no Contexto Europeu em Anos de Crise. Coordenação: João Ferrão e Ana Delicado. Lisboa: Instituto de Ciências Sociais, 2015.